domingo, 23 de maio de 2010

Minha vida está pronta pra Recomeçar

ATENÇÃO GALERA: A POSTAGEM DE HOJE É LONGA! Quem está sem tempo e com trocentas janelas de MSN aberta, volta depois com tempo (se quiser) para ler atentamente o meu desabafo de cristão reflexivo. Abs
_____

O texto de hoje no Blog é voltado para aqueles que têm fé. Se você é um dos meus amigos ateus, não deve ser nenhuma surpresa que Eu sou cristão católico e, apesar de não dar muito crédito em algumas mensagens dos padres católicos, acredito piamente em DEUS e em seu filho (que passou pela Terra revestido de carne e osso) JESUS CRISTO.

E sim, também acredito na Maria, José, Espírito Santo e toda a tropa que monitora a nossa existência de vida com livre arbítrio, onde estamos livres para acreditar ou não, na existência do O Criador. Esta postagem também não tem o propósito de discutir religião, teorias literárias de que isso tudo é invenção da igreja, ou forçar alguém seguir a mesma crença que eu.

Ter fé significa ACREDITAR. Você não precisa ter uma religião para ter fé em alguma coisa, pois se você acredita MUITO em algo e torce para que aquilo dê certo, com certeza você carrega a fé dentro de si, seja frequentador ou não de qualquer culto e encontro eucarístico.

Quando embarcamos no ônibus, acreditamos que vamos chegar ao nosso destino. Quando entramos numa cirurgia de hospital, acreditamos que vamos sair curados. Enfim, é a fé que nos renova e dá força para seguir em frente torcendo para aquilo que almejamos nesta vida dê certo, e que possamos concluir ela na nossa última respiração com o sentimento de: Missão Cumprida.

E entre uma festa e outra, uma visita no motel, um gole de bebida a mais nos encontros com os amigos, o que de FATO estamos fazendo para deixar a Terra um pouco melhor do que a encontramos? Essa pergunta posso responder por mim: Pouco ou quase nada!

Não importa quantos anos você tem, mas desde que viemos ao mundo, quando fomos retirados da barriga de nossa mãe com uma mão amiga, quem já estava por aqui reclamava do governo e dos preços altos das mercadorias. Já festava em carnavais públicos e urinava no chão da rua. Havia guerras e conflitos entre povos, além de ter desastres ambientais, enfim.

A tecnologia avançou, os tempos são outros, mas estes e MILHARES de outros problemas continuam acontecendo com cenários diferentes, e dentro do mesmo contexto. Então me pergunto: O QUE ESTAMOS FAZENDO AQUI? Viemos para continuar o tipo de existência hipócrita de muitos, ou nascemos para fazer a diferença em alguém e deixar um pouco este mundo com mais calor humano?

É ai que está. Não importa se você acredita em Deus ou não, mas a minha reflexão de hoje (que quis compartilhar neste blog) é voltada para aqueles que sentem momentos constantes de VAZIO dentro de si (e não é fome). Companheiro(a), o Deus que acredito não é aquele maldoso que muitos padres dizem, que esculacha mulher separada, condena quem bebe e faz sexo demais, etc.

O Deus que eu acredito é um Deus de amor, de bondade, de respeito e que nos deu uma experiência incrível chamada VIDA com livre arbítrio para fazermos o que bem entender, inclusive não acreditar nele. É claro que ele fica triste com as coisas ruins e quem não o reconhece, mas todos os dias ele dá o sol, traz chuva para nos abastecer, acende as estrelas e nos dá uma chance para Recomeçar.

A partir do momento que nós escolhemos fazer o Bem, e deixamos uma semente de bondade plantada no coração das pessoas, é ai que o vazio torna-se preenchido e o nosso propósito de vida fica mais completo. É fácil? Não! De que forma podemos começar, visto que tudo é tão difícil? Nas pequenas ações de bondade.

No meu caso (em exemplo) estou muito longe de ser exemplo para alguém, mas tento melhorar. No ano passado comecei a doar sangue, que salva a vida de outras pessoas. Este ano comecei ajudar instituições que cuidam de crianças carentes, outras com câncer, e - neste domingo - vou dar atenção para minha vó carente que ligou pedindo minha companhia.

Podia ter dito não, quantos netos fazem isso? Mas disse SIM e espero levar para ela apenas mais um dia feliz. A vida é isso minha gente, é muito mais que picuinhas, dívidas, viagens, festas, bebidas, sexo e drogas. Ela é uma dádiva e merece ser bem vivida mesmo com alguns erros, mas focando o MÁXIMO nos acertos.

Aos ateus que respeitam a minha crença e para os cristãos, que conseguiram ler este desenrolar de reflexão com ideias, deixo uma bonita música do Eros Biondini, chamada: TODO TEU.



Quero colocar
Em tuas mãos a minha vida.
Me deixar remodelar
Como um vaso do oleiro.

O meu coração ponho hoje em teu altar
Minha vida está pronta pra recomeçar
Ao lado teu

Ser todo teu, inteiro teu
Quero ajuntar cada pedaço do meu ser.
Ser todo teu, inteiro teu
Quero de dar os meus pedaços para que
Um vaso novo eu possa ser.

8 comentários:

  1. Acho que o problema não é fazer o bem e sim continuar fazendo depois que algo inexperado e ruim acontece. Nesse momento rola um questionamento do tipo "Do que adiantou ser um cara legal?!"

    ResponderExcluir
  2. E quem não senti todos esses anseios, esse vazio... Uma hora tudo cansa, e ver tv com os pais, simplesmente basta! Bjuu Filipe!

    ResponderExcluir
  3. Mas voc^acredita até em Adão e Eva e naquele esquema lá do Mar Vermelho abrindo?

    ResponderExcluir
  4. Adão e Eva?

    Em partes... acho que tudo é uma questão de interpretação.

    A igreja diz que era homem e mulher como somos hoje na sociedade, mas quem diz que Adão e Eva não poderia ser uma espécie de DNA num outro formato de vida qualquer?

    Sei lá, as igrejas utilizam a mesma bíblia, mas cada uma faz um tipo de interpretação sobre o que está escrito, então não dá para acreditar 100% na maneira que uma outra conta.

    ResponderExcluir
  5. Fillipe achei bastante interessante seu ponto de vista....meus parabéns pelo seun blog...me passa seu orkut para depois trocarmos idéias e olhe eu vou divulgar seu blog...

    ResponderExcluir
  6. Eu acredito em Deus! e muito e sou católica tbém. Lá no hospital eu vejo cada coisa, pessoas que os médicos dão o caso por perdido, depois renascerem, e sempre acho que é por Deus, só por Ele.

    E fazer o bem é sempre válido, até pq a gente sai ainda mais renovado.

    Beijos Lipe, e paciência com sua vózinha

    ResponderExcluir
  7. Adorei seu blog, eclético e interessante.

    Espero sua visita no meu blog.


    Ana Paula

    ResponderExcluir
  8. Amei o seu post e fiquei muito feliz com a sua dedicação e o seu amor de falar em Deus! Isso é muito lindo!!!
    Também sou católica e frequentadora assídua do Grupo de oração da Renovação Carísmatica.
    Até breve.
    Sidy

    PS: Te encontrei na comunidade do orkut, "É superando que se vive a vida"

    ResponderExcluir

Aqui, a Liberdade de Expressão fica por sua conta :)

Compartilhe

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também

Dicas Ocioso