terça-feira, 8 de junho de 2010

Quando o amor vencer

Nesta terça-feira bonita, ensolarada e de temperatura gelada aqui no sul do Brasil, trago novamente o escritor reflexivo Paulo Gaefke (sempre antenado com os anseios da humanidade) para falar de um sonho que tenho, e acho que muitos devem ter também. Ver o mundo em Paz e as pessoas de bem... Quando o amor vencer

Quando o amor vencer e se fizer mais forte,
não precisaremos mais de fronteiras,
nem desconfiar do próximo,
por mais distante que ele esteja.

Quando o amor vencer não precisaremos de religiões,
a maior religião é o próprio amor,
que nos ensina a conviver com as diferenças,
que nos ensina a tolerar além do limite humano,
e com tolerância não teremos o que perdoar.

E finalmente, o ódio, que é a forma contrária do amor desaparecerá.

Quando o amor vencer e se fizer forte,
levará consigo a solidão e todas as portas se abrirão,
os presídios não terão sentido,
nem mocinhos e nem bandidos, seremos apenas,
uma grande família em busca de evolução,
e o amor facilita esse caminho,
derruba muralhas, transpõem fronteiras,
o amor acaba com a miséria,
pois abre as portas do coração,
e o coração é sempre solidário...

Para não ficarmos apenas no sonho,
comece hoje a parte que lhe cabe,
ame sem distinção, quebre seus preconceitos,
abrace mais, valorize o tempo, reclame menos,
carrega à alegria como munição de vida,
espalhe-a sem doses e sem medidas,
seu sorriso é a porta de entrada,
uma esperança para o novo tempo,
tempo em que seremos melhores,
por ver nossos irmãos felizes,
por ver simplesmente, o amor vencer!

Bacana né? E pra quem se empolgou neste mundo ideal e suspirou com um futuro assim, pode dar Play ali na canção da Adriana que fala sobre o sonho de viver no Lindo Céu.

PS: A música me dá sono, então é ótima pra dormir e acordar relaxado =)

4 comentários:

  1. Pois é, esse ano já está complicado sem Lost, Heroes sem um final digno. Várias séries terminando e pra piorar estamos no período da pausa entre as seasons. Me sinto órfã. rs
    Os filmes vão preenchendo o vazio.

    ResponderExcluir
  2. Que linda essa imagem do texto. Tudo haver com a música que me deu soninho também (risos)

    beijos

    ResponderExcluir
  3. Que lindo Lipe!
    Eu penso que o amor é a única cura pra todas as doenças da alma...
    Gdes beijos!

    ResponderExcluir
  4. Seu Putz não ama poesia. Então, leu a parte de cima e a parte de baixo pra ver se fazia sentido. Não fez. Aí... deixa assim.

    ResponderExcluir

Aqui, a Liberdade de Expressão fica por sua conta :)

Compartilhe

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também

Dicas Ocioso