sexta-feira, 21 de junho de 2013

Verás que o filho teu não foge à luta

Acordei tomado de uma euforia que só quem foi às ruas consegue captar. É como se o povo tivesse
relevância não somente nas urnas. É como se pudéssemos corrigir o erro da escolha eleitoral a qualquer momento, depois de ver as burradas que os nossos representantes estão fazendo.

Não sei até que ponto as manifestações vão ter fôlego para continuar. Não sei se vamos conseguir uma mudança concreta após tudo isso. Não sei se ainda vamos ter corruptos e sujos se reelegendo com os resultados das urnas no ano que vem.

O que importa é que assustamos as autoridades. Colocamos eles no seu devido lugar. E mostramos que, quando o povo quer, não tem instituição ou segurança que dê conta da insatisfação popular. O alerta foi aceso no Congresso. Parlamentares guardaram o nariz de palhaço que compraram para presentear os eleitores.

Espero que estas revoltas tragam mudanças na postura das autoridades perante o dinheiro público. Espero que quem for eleito para um cargo público tenha a consciência que deve servir ao PÚBLICO, e não ao próprio bolso com negociações em benefício próprio.

Ainda estou em êxtase por tudo o que os brasileiros mostram ao mundo durante as manifestações nas ruas. Fico triste quando lembro que toda essa movimentação era pra ter começado lá atrás, no escândalo do mensalão e no protesto (que morreu no mundo virtual) do #ForaSarney. Porém, antes tarde do que mais tarde.



Deixo neste espaço um pouco do que vi e vivi em Criciúma (SC), nesta quinta-feira (20/06), em uma manifestação pacífica que juntou mais de 15 mil pessoas reivindicando algo melhor para o Brasil :)





Parabéns aos participantes semeadores da mudança :)

2 comentários:

Aqui, a Liberdade de Expressão fica por sua conta :)

Compartilhe

assine o feed

siga no Twitter

Postagens

acompanhe

Comentários

comente também

Dicas Ocioso